Que tal fazer uma surpresa?

Na sexta-feira, resolvi fazer um lanche bem bonito para meu marido. Sei que ele fica a tarde toda sem comer e precisava fazer algo bem legal para aproveitar a receita dos biscoitos amanteigados. E tive a ideia de usar o kit que vi no blog Design is yay!

Nem ia fazer post sobre isso, mas no dia que eu faltei da escola de líderes da igreja, teve um “dever de casa” para fazer uma surpresa para uma pessoa da família. E ontem, quando pediram para contar quem fez a surpresa, eu, sem saber, já tinha feito o “dever”!

Isso me inspirou a fazer um post sobre a importância de fazer coisas inesperadas para pessoas da família. Eu amo personalizar cartões e presentes, e acho que além de dar em toque pessoal, ainda mostra que você gastou um tempo maior pensando na pessoa.

E no casamento, essas atitudes de demostração de amor são muito importantes para deixar a rotina um pouco de lado e dar vida ao romantismo!

DSC06949_ DSC06948_ DSC06955_ DSC06952_

DSC06956_

A foto da mesa toda montada não ficou muito legal pois já tava escurecendo e a luz da cozinha não é muito boa. Mas acho que deu para ter uma ideia de como ficou!

Não deixe de ir no blog Design is yay pra ver mais sobre o kit.

Alguém fez uma surpresa legal para a família ultimamente?

Beijos

Recém-casada: Organizando a cozinha

Esse final de semana eu fui para a casa da minha cunhada, em Patrocínio, e consegui colocar o sono em dia e comer mais do que deveria.

Bom, estávamos lá na cozinha, até que meu marido pergunta onde foi que ela comprou um potinho onde estava o achocolatado. E nó só ouvimos que ela comprou super barato. Tendo a necessidade de organizar nossos mantimentos na cozinha, lá fomos nós comprar os potinhos.

Quando me deparei com o carrinho com 8 deles, lembrei das imagens do Pinterest de armários super organizados.

Eis algumas imagens:

0000

01 | 02 | 03 | 04 | 05 | 06 | 07 | 08 | 09

Não são uma fonte de inspiração?

Minha cozinha é bem pequena e não cabe tudo arrumadinho assim no armário. Mas quero colocar umas prateleiras para deixar bem bonito. E assim que arrumar tudo mostro aqui para vocês!

Beijos e tenham uma ótima semana!

O que não posso esquecer

Já posso tirar o diploma de pessoa que mais faz lista! Faltando dois dias para o meu casamento, fico com listas quase 24 horas por dia que exagero. Isso porque tenho medo de esquecer algo importante. E pensando em coisas que as noivas não lembram, devido a correria dos últimos dias de preparativos, pensei em fazer uma lista com coisas simples que não posso esquecer. Vou compartilhar com vocês, caso algum dia precisem, ou tenham alguma “noiva em apuros” por perto!

2

Ah.. e alguns itens das listas, eu lembrei só depois de pesquisar na internet.

O que tenho que levar para o salão:

  1. Cabide bonito para colocar o vestido. Acho muito lindas as fotos dos vestido pendurados nos cabides, mas nem tinha pensado em arrumar isso, e agora preciso arrumar um.
  2. Celular carregado.
  3. Lanche para mim e para mães e damas que estiverem comigo no salão. Irei para o salão umas quatro horas antes do casamento, e precisarei comer algo enquanto estiver lá.
  4. Perfume.
  5. Sapatos.
  6. Convite de casamento, caso o fotógrafo queira tirar fotos dele com as alianças.
  7. Vestido e acessórios.

O que preciso separar para a cerimonialista:

  1. Presente dos padrinhos e das damas.
  2. Lembrancinha para convidados.
  3. Espátula para bolo.
  4. Potinhos de bolhas de sabão.
  5. Caixinha de primeiros socorros: band-aid, giz branco (ele cobre eventuais manchas no vestido), tarrachinas de brincos (vai que no meio a tantos cumprimentos, elas resolvem sair voando..), paracetamol, lenços de papel, grampos, alguns itens de maquiagem (para fazer algum retoque, caso necessário) e cotonetes.
  6. Cheques para o pagamento de alguns fornecedores.

Coisas para fazer:

  1. Avisar a família sobre assentos reservados. Reservarei apenas para pais, irmãos e avós.
  2. Carregar o celular. Já combinei que só irei atender se for para alguém dizer coisas positivas. Não quero ficar estressada.
  3. Terminar os votos e escrever em um papel bonito. Não consigo falar em público, então preciso de um lembrete para me ajudar e preciso passar a limpo.
  4. Escrever os agradecimentos. Não achava que era necessário, mas tive tantas pessoas especias que me ajudaram durante os preparativos, que não posso esquece-las.
  5. Agendar o transporte do salão para o local da cerimônia e da festa para o hotel.
  6. Mala para a noite de núpcias (nem estava lembrando disso).

Acho que é apenas isso! Acham que eu preciso lembrar de mais alguma coisa?

Beijos!

Casamento, cumplicidade e dificuldade

Acho que 99% das mulheres já sonham como será o casamento antes mesmo de ficar noiva. Eu estou nessa estimativa e já sabia como seria a decoração, meu buquê, os convites, algumas músicas, as lembrancinhas, entre outras coisas. O problema é que nem tudo cabe no orçamento e é difícil abrir mão de algumas coisas.

bride_715

Não queria mesa de doces, porque cansei de ir em festas e ver as pessoas atacando os bombons antes mesmo de comer o jantar. Se tivesse bolo, só servia se fosse de cupcakes. Meu buquê tinha que ser de peônias…

E o diálogo abaixo estava ficando frequente:

– Amor, qual você prefere? A ou B?

– Prefiro A.

– Mas olha a foto desse casamento, o B ficou lindo.

– Então faz o B.

Com esse diálogo, você pode pensar que meu noivo é um fofo e tudo.. Sim ele é. Mas chegou um ponto em que me vi indo fazer orçamentos sozinha. O meu noivo e minha mãe estavam cansados de dar opiniões e eu não aceitar.

Foi aí que percebi que ter um casamento dos sonhos era o que eu queria, mas eu não irei casar sozinha. Meu noivo fará tudo para me agradar, mas se eu perguntar algo, tenho que no mínimo ouvir a opinião.

Eis que aprendi que a cumplicidade começa bem antes do que imaginamos.

E assim que eu recebi a primeira prova do convite, já queria mudar muitas coisas, mas não quis ir sozinha e levei o meu noivo junto e ouvi a opinião dele. Que por incrível que parece, foi exatamente igual a minha.

Nesses oito meses planejando meu casamento eu aprendi que é normal surtar de vez em quando, que o estresse aparece quase todo dia, que as lágrimas surgirão quando algo dá errado e que nem tudo que eu tinha pensado irá dar certo.

E uma coisa legal que um fotógrafo falou para mim e espero nunca esquecer: “Se no dia do seu casamento o seu buquê não tiver as flores que você pediu ou não for como você queria, finge que é.” 

O convite das minhas damas

Sempre quis que as minhas damas fossem no estilo das braidsmaids. Aquelas que são minhas melhores amigas e que teriam uma participação especial no meu casamento. Além disso, na maioria dos casamentos que já fui sempre tem alguma criança que se recusa a entrar e ainda acho estranho elas vestirem vestidos super rodados.

Pensando assim, resolvi convidar minha irmã, uma prima, duas amigas e a sobrinha do meu namorado que tem 8 anos e irá carregar as alianças.

Pesquisando no google um convite que seria minha cara, encontrei esse aqui:

bridesmaidokEntão não tive dúvidas de que seria assim que eu queria!

Mas para combinar mais comigo, peguei alguns papeis de carta da minha coleção e escrevi a mão e ainda acrescentei um cupcake.

Confiram as fotos!

GEDSC DIGITAL CAMERA GEDSC DIGITAL CAMERAGEDSC DIGITAL CAMERAGEDSC DIGITAL CAMERAGEDSC DIGITAL CAMERAGEDSC DIGITAL CAMERAGEDSC DIGITAL CAMERAAs fotos não ficaram maravilhosas e ainda esqueci de fotografar todas as cartinhas. Espero que tenham gostado.

Beijos

Lembrança do casamento

Uma maneira de guardar uma lembrança de quem estava presente na sua festa era o chamado Guest Book, aquele livro em que os convidados deixavam as suas assinaturas e ainda um recadinho para os noivos. Mas hoje essa recordação tem ganhado  novas formas.

recados-550x361

A caixinha de correio em estilo americano foi uma das primeiras coisas que eu pensei em arrumar na minha festa. Mas desisti dela quando percebi que seria difícil de encontrar. Mas no mês passado eu vi no site Mundo das Cartas um DIY feito pela minha amiga Fernanda e estou reconsiderando a ideia.

PicMonkey Collage

A jornalista e blogueira Gabi Chanas fez no seu casamento uma gaiola para colocar os recadinhos e eu achei bem criativo. E o cartão que ela utilizou ficou lindo, clique aqui para ver melhor.

arvore-digital

E deixar um pedacinho da festa como item de decoração é melhor ainda.  E eu acho que a árvore de digitais ficaria perfeita na minha sala. Encontrei no site Casando Sem Grana uma árvore para download. E ainda tem dicas sobre qual carimbo usar.

PicMonkey Collage2

Outra forma de deixar uma recordação virar decoração é fazer um quadro com corações de pepel. Essa não seria uma opção para meu casamento mesmo achando bonito.

E então fica a dúvida eterna de qual a melhor forma de levar um lembrança do casamento. Eu acho que farei a gaiola para recadinhos no casamento e a árvore de digitais no chá de lingerie, chá de cozinha, chá de casa nova ou chá de enxoval.. hahahaha

Agora quero saber se fez/fará algumas dessas opções.

 

[Editado] E tinha uma foto guardada no computador e acabei de encontrar. Um casal pediu que os convidados escrevessem recadinhos, mas que seriam lidos apenas no dia do primeiro aniversário de casamento. Achei um máximo!

E uma coisa que seria legal também é pedir para os convidados escreverem acontecimentos da festa que nunca irão esquecer.

Cartão

Escolhendo o vestido perfeito

Já disse aqui que o ano que vem meu estado civil passará de solteira para casada. E fazer orçamentos, escolher decoração, vestido, buffet… te sido bem cansativo. Mas não pensei que seria diferente. Por isso vou contar sobre a escolha do meu vestido. Não vou colocar nenhuma categoria de casamento, mesmo já pensando em postar sobre outros acontecimentos em relação a organização da cerimônia e da festa, os posts relacionados a isso estarão em Cotidiano.

79c1b637f4c0092bbb29131d8ea6cbad

Bom, desde o mês passado estou olhando vestidos de noivas..

Fui na primeira loja na minha cidade, e não tinha o vestido que queria, então perguntei sobre o primeiro aluguel. O preço? Quase caí para trás. E depois vi um vestido que achei lindo e poderia alugar. Mas a vendedora disse que como sou pequena, teria que reformar o vestido todo e sairia o mesmo preço do primeiro aluguel. Resultado? Insucesso no primeiro dia.

Saí de lá super desanimada, pois não teria coragem de gastar tanto dinheiro em uma coisa alugada.

Depois fui em mais algumas lojas e elas apenas faziam pedidos dos vestidos que estavam no catálogo. Em uma delas eu perguntei para a vendedora: “Você tem algum vestido com muito tule?” Eis que veio a resposta: “Ainda não. Começou a moda de tule agora né.” Ein? Sério mesmo que ela respondeu isso. Nem acreditei quando ouvi. Quase perguntei em que ano ela estava. Mas fui educada e fui embora.

Com tudo isso, descobri que fazer um vestido de noiva fica mais barato que alugar. Pode isso? Fora que posso fazer do jeito que eu quiser.

Depois de toda frustração em alugar, fui olhar algumas rendas. E para mais infelicidade, não tive nenhuma que eu olhasse e pensasse “essa eu quero no meu vestido”. Juro que não sou tão complicada assim. O modelo do vestido que quero é simples, sem bordado e com muito tule.

x_b0698652_large

Agora falando da costureira.. Quando sabem que é vestido de noiva, elas jogam o preço lá em cima. Um exemplo: a mesma costureira que fará o vestido das minhas damas, fará meu vestido com o preço 6 vezes maior. E aposto que não é 6 vezes mais difícil do que os das damas. E olha que para o vestido delas será necessário cortar as flores da renda e fazer aplicações.

Bom, amanhã eu irei para uma cidade vizinha para olhar os vestidos de lá. Espero que encontre pelo menos uma renda bonita.

Mas uma coisa que ainda não compreendo é, como mandar fazer um vestido de noiva fica mais barato do que alugar?

Desculpem se o post foi meio chato, mas foi apenas um desabafo.

Beijos